terça-feira, 28 de agosto de 2007

É difícil...


Há um mês, durante uns dias na semana ou no final de semana, estamos sem água.

Fiquei sem lavar roupa, sem limpar a casa, sem tomar banho, sem fazer comida...

É humanamente impossível ficar assim, no final de semana passado, fomos pra Itatiba, nesse ficamos andando pela rua, comendo e tomando banho na casa dos outros, em outra cidade, Americana parou com a falta de água.

Sábado teve a Campanha de vacinação, e a Prefeitura promoveu uma tarde com palestras para a população, chamada "Sábado Saudável", bonito, né?

O povo está sem lavar a bunda, sem lavar as mãos pra colocar a chupeta na boca das crianças, os peitos estão sujos e amamentamos mesmo assim, as mamadeiras imundas, as crianças estão assadas, sem escovar os dentes, beeeem saudável.

Cheguei no postinho e vi aquilo e fiquei revoltada (mais), comecei a berrar lá dentro e perguntei como poderíamos ser saudáveis sem água?

Dei a vacina na Lia e saí pela rua perguntando há quanto tempo os moradores estavam naquela situação e todo mundo estava desde sexta por volta das 16:00 horas sem água.

Falei com o meu vizinho, ele disse que é assim mesmo, a gente tem que se conformar, que não podemos fazer nada, e que ele estava com visitas na casa dele, que teria um churrasco lá, e rindo disse que ninguém precisa de água se tiver cerveja e carne.

No domingo, conversando com amigos, descobrimos que pelo jeito o Prefeito não quer gastar pra fazer um novo sistema de captação de água no D.A.E, porque ficaria muito caro, e pra que gastar com o que vai ficar debaixo da terra? O povo não vai ver mesmo, não vai dar valor, que é melhor construir um paço municipal, assim o povo vê e vota no candidato que ele apoiar na próxima eleição.

E viveremos assim, sem água, porque o equipamento está velho, precisa de reparos toda semana, cada reparo feito tem que ser feito o esvaziamento das caixas d'agua, quando a água começa a voltar, o povo vai gastando, gastando, e o nível da água não se estabiliza pra atender a todos, então, uma parte lava o carro, a calçada, e outra fica abrindo a torneira de meia em meia hora, esperando que a outra parte tenha bom senso deixe um pouco pra gente...

2 comentários:

Sandra disse...

Sem luz dá-se um jeito, mas sem água...

Já pensaram num abaixo-assinado contra o "doce" prefeito? Uma mobilização da comunidade...

Mas aposto que sem pagar IPTU vocês não ficam!

Beijos

Karen B.B. disse...

Já preparamos uma notificação, estou recolhendo as assinaturas.
Alguém tem que fazer alguma coisa, isso já virou bagunça.