sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

tou ficando boa nisso!

Os anos na cozinha são essenciais para que se crie uma empatia, uma sinergia, uma cumplicidade com os alimentos.

Acredito nisso porque vou pra cozinha agora e vejo o que tenho no armário e sem caderninho de receitas, boto uns ingredientes em cima da mesa, penso bem nas quantidades necessárias, rezo, e vou botando na tigela...

Da tigela pro forno, mais umas 3 ave-marias e vinte minutos depois, vou conferir a experiência que, pro meu espanto, tá sempre dando certo.

Fiz um pão que acho que cheguei finalmente numa receita de pão integral perfeito.

Anotem, vale a pena.

Pão integral:

1/2 xícara (chá) de óleo de girassol ou canola
1/2 xícara (chá) de aveia
1 ovo
1 1/2 xícara (chá) de água
1 pacotinho de fermento em pó pra pão
1 colher (café) de sal
1 colher (chá) de açúcar
3 xícaras (chá) de farinha de trigo integral
2 xícaras (chá) de farinha de trigo

Aqueça a água, coloque numa tigela, acrescente o fermento, o sal e o açúcar.
Dissolva o fermento devagar, depois coloque o óleo e o ovo, e devagarinho vai acrescentando os trigos, por último, coloque a aveia.
Deixe a massa crescer por mais ou menos 1 hora.
Caso queira dar uma variada, troque a aveia por farinha de linhaça ou por gergelim.
Cresceu? Unte uma assadeira, divida a massa em duas partes, coloque na assadeira, separe uma bolinha dessa massa e coloque num copinho com água, deixe crescendo no forno desligado. A bolinha sobe, acenda o forno e deixe assar por uns 40 minutos.
Uso essa mesma massa pra fazer pão recheado também.

Bolachinha:

1 xícara (chá) de fubá
1 xícara (chá) de farinha de trigo, se quiser use meia xícara de trigo integral e meia de trigo normal
1 1/2 xícara (chá) de amido de milho
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 xícara (chá) de açúcar
2 colheres de manteiga
2 ovos
Goiabada, ou uma geléia de sua preferência.

Numa tigela, bata o ovo com o açúcar e a manteiga. Açúcar dissolvido, acrescente o fubá, o amido, e a farinha de trigo.
A massa não fica dura não, fica meio molinha mesmo, não esquente...
Unte 2 assadeiras e às colheradas, vá colocando uma bolachinha do lado da outra, deixe um espaço, ela vai crescer.
Depois de todas as bolachinhas nas assadeiras, coloque os cubinhos de goiabada em cima, ou com uma colherinha de café, coloque a geléia, eu fiz aqui em casa com geléias de manga e framboesa. Delícia!

Estou lendo " O poder do mito ", e assisti também várias vezes o dvd com a entrevista que Bill Moyers fez com Campbell, não me canso de ouvir as histórias, são fascinantes, vou deixar aqui um trechinho da conversa, Campbell diz o seguinte:

" A mera vida não pode ser considerada como tendo propósito; olhe para as mais variadas intenções que ela tem, em toda parte. Mas cada encarnação, você poderia dizer, tem uma potencialidade, e a missão a vida é vivê-la. Como fazê-lo? Minha resposta é: Siga a sua bem-aventurança, há algo em seu interior que sabe quando você está no centro, quando você está na direção certa, ou fora dela. E se abandonar a direção para ganha dinheiro, você perdeu a sua vida. Se estiver no centro e não conseguir dinheiro, voce ainda tem a sua bem-aventurança."

Beijos, bom final de semana!

7 comentários:

Alex Castro disse...

hmm, um pao integral mais ou menos como eu que me satisfaz eu jah consegui fazer, agora eu to em outra luta: fazer um pao integral gostoso sem acucar e sem farinha refinada... tem alguma sugestao?

Karen B.B. disse...

vou pensar em algo, depois te falo, a farinha integral é muito densa, pra dar uma leveza na massa, acho que a gente poderia substituir por farinha de soja texturizada, vamos tentar?
Beijo!

Vivien Morgato : disse...

Karen,eu só fiz pão uma vez. Meus avós eram vivos,estavam visitando meus pais,eu ainda era solteira,faz uns mil anos.Eles me abraçaram,deram parabéns,super emocionados...porque fazer pão é meio ritualístico,né? Eu me senti assim,a própria aprendiz de matrona.;0)
Eu comi um pão que vc fez...acho que de abórora ( não foi isso?),esta muiiiito bom.
Tem email pra vc,meio urgente,larga o pão e vai lá ler.
beijos.

Fábio Shiraga disse...

O segredo tá na oração!?

Anônimo disse...

Então, deixando Campbell do lado, quando a gente come essa delícia? rsss (PC)

Karen B.B. disse...

Vi, vc participou daquela coisa toda na época que os dinossauros desapareceram da Terra, né? Ah, faz um post contando essa história pra gente, estou te esperando em casa, qualquer dia, qualquer hora, te adoro!
Shira, um pouco de reza nunca atrapalha...
Paulinho! Lindo, quando vc quiser, ué, me diz quando virá que faço pra vc. Aliás, faz tempo que vc, André e Shita não vem né? Beijos.

japublicidade disse...

Ola<
Gostaria de promover o teu blog, de forma simples e direta aceita?
Leia sobre a proposta neste link!
http://japublicidade.com/blog/?p=92