segunda-feira, 17 de setembro de 2007

Missão impossível: ter água


Hoje, pela milésima vez, a água acabou, de novo, outra vez, pra variar...
Estou tão cansada de limpar a casa com a água que tomo banho e lavar o quintal com a água que sai da máquina de lavar roupa... Fico pensando se mais alguém faz isso.
Liguei pro Jornal Todo Dia e falei com um jornalista e por acaso, hoje ele terá uma reunião com o Diretor do D.A.E., e por sorte, falei com ele antes.
Falei pra ele sobre os problemas que temos enfrentado aqui no bairro, e meu empenho nesse negócio de economizar nosso bem mais precioso: a bendita água.
Durante a conversa, ele me disse que todo mundo reclama, mas no fundo, no fundo, o povo não faz nada, então tive uma idéia, disse pra ele que ele sugerisse em meu nome, que a Prefeitura começasse um Programa de conscientização com a população, sei que logo, logo, teremos água nas nossas casas novamente, e tenho certeza também que todo mundo que aprendeu a economizar ou até mesmo reaproveitar a água, vai esquecer disso, e vai começar a gastar adoidado, de novo...
O que o povo esquece, é que hoje podemos voltar a ter, mas daqui 80 anos o negócio será irreversível.
O que quero é que continuemos a reaproveitar, mesmo tendo água normalmente, só assim, passaremos pros filhos, netos, vizinhos, amigos como podemos ajudar a água demorar mais pra acabar... sei lá, pra gerações futuras terem esperança, é um trabalho de formiguinha mesmo, mas alguém em que começar!
Não dá pra ter paz sem ter água na torneira, começo cedo a limpar a casa, e por conta de levar baldes pra lá e pra cá, acabo de limpar tudo às 18 horas, e aí já é hora de fazer a janta, sabe o que é isso? Vou falar o que é isso, é um pé no saco, não tenho vida, não leio, não escrevo, não descanso, está tudo muito sujo por causa do tempo seco, e tem que limpar todo dia, principalmente por causa das crianças, e quando acabo tudo, com muita sorte tenho água pro banho...
A verdura estragou na geladeira, se comer verdura não lavo roupa, gente, é um martírio, acho que estou chegando no meu limite, estou muito estressada.
Tenho que verificar se chegou a água ou não toda hora, isso tá virando obsessão.
Bom, é isso aí, boa semana pra quem tem água. Beijos.

2 comentários:

Sandra disse...

Ai, Karen. Que situação! O pior é que logo chegaremos no racionamento por aqui, se não chover. Já estamos com as represa pela metade. E o que vejo? Mangueira ligada, jorrando água enquanto as "donas de casa" (huummpppfff) varrem calçada.

Beijos

(pena morarmos tão longe. queria poder te ajudar...)

Fábio Shiraga disse...

É revoltante mesmo. Espero que tudo se resolva logo e que todos possam pensar para daqui a cem anos!

Beijo.