sábado, 8 de dezembro de 2007

Livros



Ficar em casa é bom, mas tem dia que bate um tédio...
Ontem me arrumei, peguei a Lia e fui na casa do vizinho, meu vizinho é o Adilson costumo brincar que ele é o homem da casa, ele apara a grama, troca lâmpada, aperta parafuso, abre vidro de palmito, o Adilson é um cara legal, e o melhor de tudo, não trabalha. Pois é, posso berrar lá no portão dele qualquer hora, que ele me ajuda.
Esses dias eu precisava engraxar meu portão, tava fazendo um barulhão pra abrir, que dava medo, fui na oficina ao lado de casa, peguei o vidro de graxa emprestado e berrei lá no Adilson, e minha desculpa pra essas coisas é sempre a mesma: sou mulher, não posso fazer essas coisas, hahaha! E ele acredita. E faz.
Ah, esqueci de uma coisa importante, ele é legal, meu amigo e casado, muito bem casado, com a Adi, ele e ela são Adi e Adilson, e tem três filhos chamados Adimatheus, Adilucas e Adigiovani, pra combinar, entende?
Voltando ao tédio, eu fiz o Adilson me levar na Biblioteca, e cara... que saudade...
Tenho uma paixão indescritível por Bibliotecas, sei lá, aquele monte de livros, sobre um monte de assuntos, qualquer coisa, qualquer coisinha, é só pedir, existe livro pra te informar, me diz que não é lindo isso!
E peguei emprestado dois livros que achei interessantes, um é o "Sabor com saúde" da autora Kátia Nogueira Borges, formada em Biologia e Matemática e especialista em Botânica. Trabalha com Botânica há 25 anos, numa Universidade da Bahia a UNEBSSA.
No livro ela dá umas sugestões pra quem quer dar uma variada no cardápio e tem várias receitas vegetarianas e informações sobre vitaminas, minerais, e outras dicas bárbaras.
Logo colocarei algumas aqui.
O outro é "Banquete" de Roy Strong, um historiador inglês que trabalhou 20 anos no National Portrait Gallery e o Victoria & Albert Museum em Londres.
Ele fez um estudo e conta como eram as refeições, costumes e os pratos desde a Grécia Antiga até os dias atuais.
Agora chega, tenho muita leitura pra fazer.
Beijinhos.

8 comentários:

Claudia Lyra disse...

Também amo bibliotecas...

Você é super ligada à culinária, né?

Karen B.B. disse...

Clau, gostaria de saber muito mais, um dia chego lá, hahaha!
Beijos.

Vivien Morgato : disse...

Se eu gritar adiiiiiillllson, ele vem aqui, trocar meu gás? porque eu nao trocço gás, não troco lâmpada: acho que tudo vai explodir.
Daniel troca e ainda tira uma com a minha cara..rs
Vc assistiu "Como água para chocolate"( mexicano) e "Beber, Comer e viver" (chinês, acho).
Vc vai adorar.
Nunca vi tanta poesia traduzida na magia que é cozinhar, lindossssssss.

_____


Terminei os livros, vou escrever sobre eles. Música Perdida,me fez chorar desmilinguidamente.
é simplesmente maravilhoso.
beijocas e saudades.

Karen B.B. disse...

Oi lindeza! Saudade de vc... estou tãaaaaao KARENte, hahaha!
Já leu? Que legal! E aqueles livros que vc ia me emprestar? Ah, sabe, achei um cara que tem um blog que vc vai amar, ele colocou umas coisas de Gustav Klint no blog dele e lembrei de vc na hora, esqueci o nome do blog, depois eu falo, um beijo.

valter ferraz disse...

Karen, eo Biajoni não tem ciúmes do Adilson?
Eu tamb´pem troco lâmpadas, engraxo portões, levanto paredes, etc. Mas a Aninha não dá mole não.
Beijo, menina

Karen B.B. disse...

Valter, ciúme? O Bia? Hahaha!
Ele é um cara moderno, não tem tempo pra isso. Não dou motivo não...

Aninha Pontes disse...

Força menina, fica carente não.
Você tem tanta coisa bonita para viver.
Beijos

Fernando Sampaio disse...

Karen, li um novo, muito divertido: a História do Mundo em Seis Copos, tá lá no blog.
Feliz Natal!
Beijo